Por que o aparelho de safira é uma ótima opção para os tratamentos ortodônticos

8 minutos para ler
agendamento

Você não precisa conviver com dentes desalinhados, mas também não é necessário ficar com o sorriso metálico para corrigi-los. Basta optar pelo aparelho de safira!

Você precisa corrigir a posição dos seus dentes, mas não quer ficar com o sorriso metálico? Não se preocupe porque tem solução! Você pode fazer o tratamento com o aparelho de safira, que fica bem discreto na boca.

Ele é um dispositivo fixo indicado para corrigir diversos problemas ortodônticos, com o diferencial de que seus bráquetes são transparentes. Por isso, é uma excelente opção para adultos que querem valorizar o sorriso sem prejudicar a imagem.

Gostou da ideia? Então continue lendo, porque a gente conversou com a Dra. Paula Landeiro Tavares, especialista em Ortodontia e franqueada Odontoclinic, para que ela explicasse um pouco mais sobre as características desse aparelho, os cuidados que ele precisa, entre outros detalhes.

O que é o aparelho de safira?

O aparelho de safira é um tipo de aparelho ortodôntico fixo similar ao metálico, com a diferença de que os seus bráquetes são confeccionados em monocristais de safira. Ela é um mineral translúcido que não contrasta com os dentes, por isso, esse dispositivo é classificado como estético.

Ele fica muito discreto na boca e possibilita a realização de um tratamento com menos impacto para a aparência. É uma evolução do aparelho ortodôntico convencional, pois traz alternativas mais modernas para corrigir a posição dos dentes.

Por que o aparelho de safira ainda não é muito conhecido?

O aparelho de safira ainda não é muito conhecido porque ele surgiu há pouco tempo, acompanhando a evolução da tecnologia na odontologia. Com esses avanços, foi possível desenvolver produtos utilizando materiais alternativos aos convencionais. A safira se mostrou uma boa opção para dispositivos ortodônticos.

Isso também acontece porque não são todos os ortodontistas e clínicas que oferecem aparelhos como esse. Afinal, ele é uma evolução do aparelho convencional, que está ganhando seu espaço no mercado.

É preciso considerar, ainda, que o aparelho fixo de safira requer um investimento maior. Sendo assim, nem sempre ele é a primeira opção para muitos pacientes, fazendo com que o aparelho ortodôntico metálico continue sendo mais popular.

Qual é a diferença para o aparelho metálico tradicional?

A principal diferença entre o aparelho de safira e o metálico é o tipo de material utilizado na fabricação. Como explicamos, no primeiro são utilizados monocristais de safira, um tipo de mineral; já no segundo, pode ser utilizado o aço inoxidável e ligas, como níquel-titânio.

Existe, também, a diferença estética entre eles, como Paula esclarece: “o aparelho de safira é como um vidro, é translúcido, ele fica bem discreto no dente. Se o esmalte for mais claro ou amarelado, não dá para perceber”.

Em relação à estrutura e modo de funcionamento, não existem muitas diferenças. O bráquete do aparelho de safira também é colado nos dentes, utilizamos fios ortodônticos, as famosas borrachinhas, entre outros componentes para estimular as movimentações dentárias.

Quais são os cuidados com o aparelho de safira?

A safira é um mineral resistente, porém, não tanto quanto os metais utilizados no aparelho tradicional. Portanto, a especialista da Odontoclinic alerta que esse tipo de aparelho precisa de cuidados maiores, já que ele é mais sensível.

Segundo ela, além do risco comum de o bráquete descolar, pode acontecer a quebra dele com mais facilidade. Sendo assim, é importante evitar as situações que possam provocar uma pressão desnecessária e outros tipos de dano.

A seguir você confere uma lista de cuidados com o aparelho de safira para garantir a durabilidade dele e evitar a necessidade de trocar os bráquetes.

Por que o aparelho de safira é uma ótima opção para os tratamentos ortodônticos

Não coma alimentos duros

Paula conta que é preciso ter bastante atenção na hora de comer alimentos duros, como torresmo, castanha ou até pipoca. Se for possível, é válido evitar, dando preferência para aqueles com uma textura mais macia. Além disso, para comer frutas firmes, como maçã ou pera, prefira cortar em pedaços, sem morder.

Evite fazer pressões desnecessárias

A pressão, mesmo sem usar aparelho, traz diversos prejuízos para os dentes. Afinal, eles não foram feitos para ser usados como ferramenta, certo? Quando uma pessoa usa o aparelho fixo de safira, é preciso ter ainda mais cuidado porque pressões desnecessárias, como rasgar um saco plástico ou abrir um pote, podem quebrar o bráquete.

Não morda canetas

O hábito de morder tampa da caneta, lápis e outros objetos duros também é muito prejudicial para o aparelho de safira. Da mesma forma que no caso anterior, provoca uma pressão desnecessária que pode fazer o bráquete soltar ou quebrar.

Não faça força na escovação

A ortodontista alerta: “também existem quebras por causa da força da escovação, bate a escova e quebra”. Por isso, nada de fazer movimentos bruscos ou apertar a escova. Não é necessário colocar força para remover a placa bacteriana; basta aplicar a técnica correta e utilizar bons produtos.

É válido lembrar que esses cuidados também são recomendados para quem usa aparelho metálico. Afinal, ele é mais resistente do que o de safira, porém, não é indestrutível. De toda forma, Paula conta que ela tem pacientes que nunca quebraram nenhum bráquete de safira, por isso, depende bastante da colaboração e do cuidado de cada um também.

O aparelho de safira pode manchar?

O aparelho de safira não mancha, e essa é uma das grandes vantagens desse material para a confecção de dispositivos ortodônticos. O mineral não sofre alterações na tonalidade com o passar do tempo, mantendo-se translúcido do início ao fim do tratamento.

Entretanto, as borrachinhas que seguram o fio ortodôntico podem sofrer alterações de tonalidade, o que depende do tipo de alimentação adotado. Bebidas e alimentos muito pigmentados favorecem a alteração de cor.

Para driblar esse problema, Paula diz que dá preferência para marcas com uma estética mais favorável. Em vez de serem totalmente brancas ou transparentes, essas borrachinhas têm uma tonalidade azulada, que continua sendo discreta na boca, mas não pigmenta tanto.

Quanto custa esse aparelho?

Explicamos que o aparelho fixo de safira requer um investimento mais alto em comparação com outros dispositivos. Isso acontece por causa do material e da tecnologia empregados na confecção do aparelho

“Ele tem maior valor agregado por causa da estética. Costuma ser mais caro do que o convencional metálico”, esclarece a especialista. Porém, vale lembrar que se trata de um aparelho superior, que proporciona vantagens atrativas para quem deseja corrigir os dentes com discrição.

O orçamento varia para cada paciente porque vai depender da clínica escolhida, do status do profissional e até mesmo da região onde a pessoa mora. Além disso, a complexidade do tratamento também influencia o valor. Então, é preciso consultar o especialista para obter uma informação exata.

Quando esse tipo de aparelho é indicado?

O aparelho de safira é indicado para correção de problemas ortodônticos dos mais sutis aos complexos. Pode ser utilizado tanto por adolescentes quanto pessoas adultas em casos de alterações na mordida, desalinhamentos, giros, diastemas e outros.

“As indicações são as mesmas do fixo tradicional metálico. Mas tem muito adulto que não quer o dente metalizado, e aí opta pelo de safira”, Paula ressalta. Sendo assim, além das indicações funcionais, temos as estéticas.

Esse tipo de aparelho é ideal para quem quer preservar a sua imagem enquanto corrige a posição dos dentes. É uma ótima alternativa para evitar a infantilização do sorriso e para pessoas que precisam manter a sua aparência; em função do trabalho, por exemplo.

O aparelho de safira é uma boa opção?

Sim, o aparelho de safira é uma boa opção para as pessoas que se preocupam com as questões estéticas e querem fazer um tratamento ortodôntico mais moderno, que não impacta o seu sorriso de forma negativa.

Entretanto, é preciso estar ciente da necessidade de ter um cuidado maior por causa da possibilidade de o bráquete quebrar. “Eu falo que a pessoa está comprando uma ótima tecnologia, mas que pede cuidado”, reforça a ortodontista.

Contar com o suporte de bons especialistas também faz a diferença para que você receba a melhor orientação sobre os cuidados com seu aparelho de safira. Na Odontoclinic, você encontra esse atendimento diferenciado, além de ter acesso a materiais de alta qualidade para garantir uma maior resistência e a durabilidade do seu dispositivo.

Agende uma avaliação para conhecer os serviços de ortodontia da Odontoclinic. Acesse o site para encontrar a unidade mais próxima de você e reserve o seu horário!

Aparelho na vida adulta: o guia completo e as principais dúvidas
Posts relacionados

Deixe um comentário