Como clarear os dentes? Entenda a importância da orientação do dentista

7 minutos para ler
agendamento

A orientação do dentista é fundamental na hora de clarear os dentes, para alcançar os melhores resultados e evitar problemas para a saúde bucal

Cada vez mais as pessoas têm se preocupado com o aspecto da dentição. Na busca por um sorriso branco e perfeito, muita gente busca informações, técnicas e dicas sobre como clarear os dentes, para alcançar mais satisfação com a sua própria imagem.

Para saber como clarear os dentes, o ideal é consultar o dentista e fazer um clareamento profissional. É possível realizar esse tratamento no consultório, aplicando o gel associado ou não ao laser ou a luzes LED. Outra possibilidade é fazer em casa, utilizando uma moldeira personalizada — com supervisão do profissional.

Nem todo mundo procura uma clínica odontológica para fazer o clareamento. Muitos acabam se aventurando com receitas caseiras e produtos duvidosos, o que pode oferecer alguns riscos. Preparamos este artigo para fazer esse alerta, explicando a importância de receber a orientação de um dentista na hora de clarear os dentes. Acompanhe!

Como funciona o clareamento dental?

O clareamento dentário é um tratamento focado em melhorar a estética do sorriso. Ele é feito com o intuito de alcançar uma tonalidade mais clara para a dentição, de acordo com o tom natural dos dentes de cada pessoa.

Esse tratamento é indicado, por exemplo, quando os dentes ficam amarelados por causa do consumo de bebidas e alimentos que contêm corantes. Ele também pode ser realizado para combater o amarelamento causado pelo processo natural de envelhecimento.

Ao fazer uma pesquisa rápida sobre como clarear os dentes, você vai perceber que existem diferentes tipos de clareamento dental. Basicamente, é possível fazer esse tratamento no consultório ou em casa. 

Em ambos os casos, a indicação é feita pelo dentista, de acordo com a necessidade de cada pessoa, conforme os resultados que ela deseja e aquilo que é seguro para a saúde bucal do paciente.

Para alcançar um tom mais claro, é utilizado um gel clareador à base de peróxido de hidrogênio ou peróxido de carbamida. O produto desencadeia uma reação oxidante, penetrando na estrutura dos dentes e fazendo a quebra das moléculas de pigmento que causam o tom escuro. Assim, elas são removidas e o dente fica mais claro.

Por que você não deve fazer clareamento por conta própria?

Embora seja um tratamento estético, é preciso contar com o suporte de um dentista para saber como clarear os dentes de uma forma segura. Os produtos utilizados precisam ser aplicados na medida certa, para não causar problemas na dentição.

Mesmo quando se trata do clareamento caseiro, existem diversas recomendações que precisam ser seguidas para não causar problemas nos dentes nem colocar a saúde bucal em risco.

O tratamento deve ser feito com base em uma avaliação completa de cada pessoa. A seguir, explicamos por que ele não pode ser realizado por conta própria, nem mesmo utilizando ingredientes que pareçam naturais ou seguros por serem usados no dia a dia.

Porcentagem ideal do gel

Se o produto utilizado no clareamento não for aplicado na medida certa, pode causar problemas como desmineralização do esmalte, excesso de porosidade e erosão. Existe uma porcentagem correta da concentração para alcançar os resultados desejados.

Como explicamos, o tratamento deve ser personalizado, mas não apenas em função do tom que você deseja para o seu sorriso. O dentista também considera as características do dente, pois algumas pessoas podem apresentar mais sensibilidade do que outras.

Barreira gengival

Quando o tratamento é feito por um dentista experiente, ele realiza todo um preparo antes das sessões. Isso é fundamental para promover uma barreira na gengiva, evitando o contato excessivo do produto com esse tecido. Essa é uma forma de preservar a saúde e a integridade da gengiva, para que não haja reações indesejadas.

Tempo adequado

Existe um tempo ideal para que o produto clareador se mantenha em contato com os dentes. Mais uma vez, isso deve ser personalizado, considerando as suas necessidades e características, além do tipo de produto que está sendo utilizado.

Um tempo de contato excessivo pode causar os problemas que citamos, mas se o tempo for curto demais, os resultados não serão bons ou podem demorar demais para aparecer.

Moldeira personalizada

Para realizar o clareamento dentário em casa, o dentista faz um molde da boca para confeccionar uma moldeira totalmente personalizada. Ela precisa ser feita para uso individual, garantindo um bom encaixe na arcada dentária e o alcance correto do produto, sem sobrecarregar nenhum tecido de sustentação.

Qual é a importância do dentista para realizar esse tipo de tratamento?

Como você viu, existe todo um planejamento para fazer o clareamento dental. Como qualquer outro tratamento odontológico, essa técnica é ajustada para cada pessoa. Somente com a avaliação e o suporte de um bom dentista é possível conquistar um sorriso mais bonito, com segurança e de acordo com as suas expectativas.

Para não restarem mais dúvidas, confira por que é tão importante clarear os dentes com um profissional.

Minimizar os riscos de queimadura na gengiva

Um dos grandes riscos de aplicar qualquer ingrediente ou produto nos dentes para conquistar um tom mais branco é a possibilidade de queimaduras na gengiva. Além disso, os kits vendidos livremente e adquiridos sem o conselho do especialista podem até causar intoxicação.

Já explicamos aqui que o dentista faz toda uma preparação para criar uma barreira que evita agressões na gengiva durante o tratamento. Contar com ajuda desse profissional, portanto, minimiza os riscos de queimadura nesse tecido.

como clarear os dentes

Garantir bons resultados

Somente o dentista sabe como clarear os dentes na medida certa. Não se trata apenas de aplicar o produto e deixar que ele elimine o tom escurecido ou amarelado: é preciso calcular qual tom é o mais adequado, de acordo com características como a tonalidade da pele e dos lábios do paciente.

O intuito é alcançar um resultado mais natural, que promova sua satisfação e que não coloque a estrutura do dente em risco. Por tudo isso, o suporte do dentista garante os melhores resultados estéticos e para a saúde da boca.

Evitar o excesso de sensibilidade

Um dos possíveis efeitos adversos do clareamento dental é a sensibilidade. Ela pode se manifestar ao longo do tratamento, e algumas pessoas podem ficar com os dentes um pouco mais sensíveis do que antes de clarear. Com ajuda do dentista, é possível minimizar essas reações.

O profissional utiliza técnicas e produtos que promovem a proteção da estrutura dentária, para que não haja uma porosidade em excesso, que deixaria a dentina — tecido localizado debaixo do esmalte do dente — exposta. Assim, é possível realizar um tratamento mais confortável e com cuidados para que a dentição não fique muito sensível.

Se você quer descobrir como clarear os dentes na medida certa, com atenção à sua estética e saúde, procure o suporte de bons profissionais. Você encontra um time experiente na Odontoclinic, pronto para oferecer um atendimento totalmente personalizado e humanizado. Assim, você pode conquistar o sorriso que tanto deseja sem correr riscos!

Cuide dos seus dentes com quem entende do assunto. Agende uma avaliação na Odontoclinic mais perto de você para receber o suporte dos melhores profissionais!

Estética odontológica
Posts relacionados

Deixe um comentário