Hiperdontia: o que fazer quando nascem dentes a mais na boca

Você já ouviu falar em hiperdontia, dentes supranumerários ou dentes extranumerários? Todas essas palavras servem para descrever uma condição dentária, que pede tratamento ortodôntico e também pode envolver cirurgias de extração.

Para inteirar você sobre o assunto, trouxemos esse conteúdo para explicar o que é hiperdontia e como é o processo de diagnóstico. Quer saber mais? Vem com a gente! 

O que é hiperdontia?

Hiperdontia é quando a pessoa tem mais do que 32 dentes na boca, que é o usual.

Geralmente, contamos com 20 dentes de leite e com 32 permanentes: quatro incisivos, dois caninos, quatro pré-molares e seis molares, 16 na arcada superior e 16 na arcada inferior.

O que é hiperdontia múltipla?

Hiperdontia múltipla é quando a pessoa apresenta dois ou mais dentes extras. Quando há apenas um a mais, chamamos de unitária.

O mais comum é que a pessoa com hiperdontia tenha um ou dois dentes a mais, mas em casos raros, podem ser encontrados mais de trinta dentes extras na boca.

Por que as pessoas têm dentes a mais na boca?

As causas da hiperdontia são, na verdade, desconhecidas. Entretanto, existe a crença de que a condição está relacionada a fatores genéticos. 

Os dentes extranumerários são mais comuns em pacientes com fenda palatina, lábio leporino, síndrome de Ehler-Danlos e síndrome de Gardner, por exemplo. 

Como é o diagnóstico de hiperdontia?

O excesso de dentes pode ser detectado por meio de radiografias ou a olho nu, especialmente porque dentes supranumerários podem nascer em qualquer lugar da boca. 

Os dentes extras podem causar apinhamento, que é quando os dentes não tem espaço para se estabelecer, é o famoso “dente encavalado”. A condição pode fazer com que não haja espaço suficiente na arcada dentária para manter os dentes alinhados. 

Então, mesmo que você não perceba que tem um dente a mais, o dentista com certeza vai descobrir a hiperdontia logo na primeira avaliação da sua boca e dos seus exames. 

Como é o tratamento para dentes supranumerários?

O tratamento para hiperdontia geralmente envolve extração dos dentes a mais e tratamento ortodôntico para movimentar cada dente para o devido lugar, conforme planejamento do dentista.

Caso o dente supranumerário não esteja causando problemas, o dentista pode optar por acompanhar o desenvolvimento do dente, observando a posição que ocupa, como se relaciona os outros dentes etc. 

Fotos de dentes supranumerários 

hiperdontia fotos

Tratamento preventivo

Como explicamos, a hiperdontia pode ser detectada mesmo antes dos dentes permanentes saírem, nos dentes de leite, ou por meio de radiografias. Por isso é tão importante manter regularidade na visita ao dentista, para agir preventivamente e evitar maiores transtornos.

Se os seus dentes não estão alinhados de maneira funcional, você pode ter prejuízo na hora de higienizá-los, ao mastigar e até na fala. Então, não perca mais tempo, agende sua avaliação na Odontoclinic mais próxima

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agende sua avaliação

Materiais Grátis

Posts relacionados

Inscreva-se para receber novidades

O que você procura?
Últimas publicações
Hiperdontia, dentes supranumerários ou dentes extranumerários: saiba mais sobre quando nascem dentes extras na boca!
Manchas nos dentes pode ser hipoplasia de esmalte. Saiba mais sobre essa condição e aprenda o que fazer para prevenir!
Ter lábios leporinos não é incomum. O tratamento envolve uma equipe multidisciplinas, incluindo o ortodontista. Saiba mais!