É necessário usar o enxaguante bucal diariamente? Entenda!

4 minutos para ler

O enxaguante bucal é um produto que pode ser encontrado e adquirido facilmente. Traz a promessa de deixar a boca mais limpa, combatendo bactérias e eliminando o mau hálito. Mas será que ele é realmente indispensável para fazer a limpeza dos dentes?

Como existem muitas dúvidas sobre esse assunto, preparamos este artigo para esclarecer a verdadeira função do enxaguante bucal, se ele pode ou não ser usado todos os dias e o modo correto de escolher o melhor produto. Acompanhe!

Para que serve o enxaguante bucal?

Existem diferentes tipos de enxaguante bucal. Essa variação se dá devido à composição da fórmula e da ação que proporciona. Basicamente, são dois grupos: enxaguantes cosméticos e enxaguantes terapêuticos.

Enxaguante bucal cosmético

Esse é o produto comum, que não tem nenhuma ação para combater doenças bucais. Existem fórmulas enriquecidas com flúor, para controlar a cárie, combater a sensibilidade, controlar a proliferação de bactérias e deixar o hálito fresco.

Enxaguante bucal terapêutico

Existem enxaguantes com ação terapêutica, atuando como medicamentos para o equilíbrio da saúde bucal. É o caso dos produtos que tratam a gengivite e a periodontite. Há, também, fórmulas indicadas para higienização bucal pós-cirúrgica.

O enxaguante pode ser usado todos os dias?

enxaguante bucal

No caso do enxaguante bucal terapêutico, só deve ser utilizado quando houver algum problema que exija esse tratamento. Por isso, não é recomendado para uso diário em pessoas com saúde bucal equilibrada.

Os enxaguantes com ação cosmética devem ser utilizados com cautela. Isso porque cada pessoa tem uma necessidade diferente e existem formulações distintas, conforme explicamos. De toda forma, esse produto não tem um grande papel na limpeza da boca.

O que realmente remove a placa bacteriana é a escovação. O enxaguante complementa essa higiene, logo, não há necessidade de fazer uso diário dele. Entretanto, existem pessoas que se beneficiam com esse produto, então, o ideal é consultar o dentista para conhecer as necessidades individuais.

Qual a frequência de uso adequada?

O primeiro fator que você precisa ter em mente é que o enxaguante pode desequilibrar a microbiota da boca, ou seja, ele elimina também as bactérias boas. Assim, o uso excessivo promove um efeito contrário, colocando em risco a saúde da boca.

Conforme citamos, o enxaguante não tem a função de limpar, então, usar após as refeições, não substitui a escovação. Também não apresenta eficiência para controlar o mau hálito, uma vez que seu efeito é momentâneo.

Portanto, a aplicação do produto cosmético uma vez por dia, e respeitando as instruções do fabricante, é suficiente para complementar a higienização de quem não tem problemas bucais. Já em casos especiais, a frequência deve ser recomendada pelo dentista. São eles:

  • prevenção da cárie;
  • remineralização do esmalte;
  • controle bacteriano;
  • pós-cirúrgico;
  • tratamento de inflamações;
  • redução da sensibilidade.

Como escolher um enxaguante?

Na hora de escolher um enxaguante bucal cosmético, o principal ponto de atenção é com a presença de álcool na fórmula. Esse ingrediente resseca a mucosa bucal, favorecendo doenças e problemas; por isso, prefira produtos sem ele.

Tenha cuidado com os enxaguantes muito pigmentados, em especial se você fez clareamento dental. Isso porque o corante presente na fórmula se deposita sobre o esmalte dentário, causando manchas e reduzindo a longevidade do tratamento.

Crianças devem usar um enxaguante bucal específico para sua idade e somente a partir dos 3 ou 4 anos. O produto pode oferecer risco de fluorose dentária devido à sua concentração de flúor.

Os itens indispensáveis para o cuidado dos seus dentes são a escova, o creme e o fio dental. O enxaguante bucal é um complemento, então, o ideal é consultar um dentista para entender as suas necessidades e, se for preciso, ele indicará a fórmula ideal para você.

Nem todo mundo sabe que o enxaguante bucal pode prejudicar a dentição se usado de forma incorreta. Compartilhe em suas redes sociais e ajude a divulgar essas informações.

agendamento
Posts relacionados

Deixe um comentário