Pasta de dente para sensibilidade: entenda a composição

A pasta de dente para sensibilidade é um paliativo para quem sofre com esse problema. Mas você sabe o que tem na composição? Quais propriedades esses cremes dentais realmente têm?

Fizemos esse post para informar você sobre o assunto. Quer saber mais? Vem com a gente! 

Pasta de dente para sensibilidade

A pasta de dente para sensibilidade ajuda a aliviar a sensibilidade dentária, que é resultado da exposição da dentina, camada sensível sob o esmalte dentário. 

Pastas para dentes sensíveis geralmente são compostas de nitrato potássio, fluoreto de sódio, fosfato de cálcio bioativo, agentes dessensibilizantes, sílica e/ou outros abrasivos suaves. 

Nitrato de potássio

O nitrato de potássio é um ingrediente comum em pastas dentais para sensibilidade. Ele ajuda a bloquear os túbulos dentinários expostos, que são responsáveis pela sensação de dor quando há estímulos quentes, frios ou ácidos.

Agentes dessensibilizantes

Além do nitrato de potássio, algumas pastas dentais podem conter outros agentes dessensibilizantes, como o cloreto de estrôncio, que também ajudam a bloquear os túbulos dentinários e reduzir a sensibilidade.

Fluoreto de sódio

O fluoreto de sódio é usado em muitas pastas dentais de sensibilidade devido à sua capacidade de fortalecer o esmalte dos dentes. Um esmalte mais forte pode ajudar a proteger a dentina subjacente e reduzir a sensibilidade.

Fosfato de cálcio bioativo

O fosfato de cálcio bioativo ajuda a remineralizar o esmalte dentário, colaborando no fortalecimento dos dentes e reduzindo a sensibilidade.

Sílica e abrasivos suaves

Muitas vezes, as pastas dentais para sensibilidade contêm abrasivos suaves que ajudam a polir a superfície do dente, removendo manchas e placas sem causar danos adicionais ao esmalte.

Pasta de dente para gengivas sensíveis

Há também pasta de dente para gengivas sensíveis. A fórmula traz alívio e cuidado às gengivas sensíveis ou irritadas. 

Sua composição leva antissépticos e antibacterianos, anti inflamatórios, fluoreto de sódio, agentes calmantes, agentes refrescantes e baixa abrasividade. 

Então, se você tem dentes e gengivas sensíveis, o ideal é pedir a orientação do dentista sobre qual pasta de dente utilizar. 

Pasta de dente para dentes sensíveis

Geralmente, o uso regular de pasta para sensibilidade, combinado com uma boa higiene oral, pode ajudar a diminuir o problema ao longo do tempo, proporcionando alívio.

No entanto, em alguns casos, a sensibilidade pode ser um sinal de problemas dentários subjacentes mais sérios, e é sempre recomendável consultar um dentista para diagnóstico e tratamento adequados.

Vá ao dentista

A sensibilidade nos dentes pode ocorrer por diversos motivos, como higiene bucal insuficiente, retração da gengiva, dieta ácida e/ou com excesso de açúcar, bruxismo, refluxo, escovação agressiva e até uso de creme dental muito abrasivo. 

A pasta de dente para sensibilidade é uma ajudante do tratamento, mas é fundamental ir ao dentista para tratar a causa. Agende agora a sua avaliação na Odontoclinic mais próxima!

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agende sua avaliação

Materiais Grátis

Posts relacionados

Inscreva-se para receber novidades

O que você procura?
Últimas publicações
Você está com dor na gengiva? É melhor procurar o dentista. Confira as causas mais comuns e as possibilidades de tratamento!
A agenesia dentária é uma condição comum que pode ser tratada. Confira no post o que é e quais são as causas!
A pasta de dente para sensibilidade realmente funciona? Qual é a sua composição? Descubra lendo esse post!