Como escolher a escova de dente certa?

4 minutos para ler

Você sabe como escolher a escova de dente certa? Com tantas opções no mercado, pode ser difícil definir quais características o produto deve conter para atingir o seu objetivo. Foi pensando nisso que preparamos este artigo.

A escolha precisa ser muito bem feita porque as características da escova influenciam na limpeza bucal. Se ela não cumpre bem o seu papel, a placa bacteriana fica acumulada, resultando em cáries, tártaro, gengivite e outras complicações.

Como a escova está diretamente relacionada com a saúde bucal, leia atentamente as dicas que deixamos para escolher a opção certa e garantir a boa higienização dos seus dentes.

Formato da escova

O primeiro fator que você deve considerar na escova de dente é o formato da cabeça e do cabo. Isso porque o design influencia no alcance das cerdas e na realização dos movimentos. Não existe uma regra. O ideal é optar por aquela que se encaixa melhor à anatomia e permite limpar todos os dentes.

Escovas com cabeça pequena, arredondada ou triangular, por exemplo, conseguem atingir áreas mais difíceis da boca. São ideais para quem tem pouco espaço na cavidade bucal, mas há quem prefira escovas com cabeça quadrada.

Quantidade e maciez das cerdas

como escolher a escova de dente certa

Saber como escolher a escova de dente certa pode ser mais difícil considerando as cerdas. Existem aquelas curvadas, maiores nas pontas, inclinadas, com borrachas entre os tufos, e assim por diante.

De um modo geral, as que realizam uma limpeza mais eficiente são aquelas com cerdas retas e do mesmo tamanho, sem apetrechos emborrachados. Também é interessante que a escova tenha uma boa quantidade de cerdas nos tufos. Quando mais densa for essa região, maior será a área escovada.

Tenha cuidado com a densidade das cerdas. Apenas em casos específicos são recomendadas escovas médias ou duras. É preferível usar cerdas macias ou ultra macias porque elas realizam uma limpeza suave, não lesionam as gengivas, previnem a retração delas e não agridem o esmalte dentário.

Altura das cerdas

Explicamos que as escovas com cerdas retas são mais recomendadas, de modo geral. No entanto, para algumas pessoas, é preferível optar por alturas diferentes nos tufos, com o objetivo de alcançar melhor a superfície dos dentes.

Quem usa aparelho ortodôntico, por exemplo, tem mais facilidade na limpeza dos dentes e do próprio dispositivo ao optar por escovas específicas. As cerdas do centro da escova ortodôntica são mais baixas para que se encaixem nos bráquetes.

No caso de quem sente dificuldade para escovar os últimos molares, pode ser interessante optar pelas escovas com cerdas alongadas nas pontas. Elas têm alcance maior e abraçam os dentes do fundo, favorecendo a higienização. Só é preciso cuidado para que essa ponta não machuque as gengivas.

Tipo de escova

Outro detalhe importante para saber como escolher a escova de dente certa é considerar qual dos tipos disponíveis melhor atende as necessidades de quem vai usar.

Escova interdental

As escovas interdentais apresentam tufos distribuídos em formato de cone para alcançar regiões inacessíveis. São ideais para pessoas que têm problemas nas gengivas e até para quem usa aparelho ortodôntico, pois facilitam a escovação entre os bráquetes. Também pode ajudar bastante quem tem dentes separados.

Escova infantil

No caso das crianças, é sempre preferível que usem escovas específicas para sua idade. Além de o produto ser mais atrativo e tornar a higienização um momento lúdico, o material é diferenciado para não agredir os dentes de leite nem as gengivas. Já o cabo é projetado para facilitar a pegada, dando firmeza aos movimentos.

Escova elétrica

Mais uma opção é a escova de dente elétrica, excelente alternativa para pessoas que apresentam alguma dificuldade motora na escovação. Basta encostar as cerdas nos dentes que o produto realiza todos os movimentos.

São várias opções disponíveis, por isso, se ainda tiver dúvidas sobre como escolher a escova de dente certa, converse com o dentista da sua confiança. Ele vai considerar as características da sua dentição e suas necessidades para indicar um modelo que garanta uma limpeza impecável e proteja sua saúde bucal.

Gostou das dicas? Então, compartilhe nas redes sociais e divida essas informações com seus amigos e contatos!

agendamento
Posts relacionados

Deixe um comentário