Osseointegração: saiba o que é e como funciona!

Para fazer um tratamento de implante, é preciso fixar um pino no osso que abriga a raiz do dente. Logo depois, deve acontecer o processo de osseointegração, no qual o tecido envolve o material, para que ele seja integrado a essa base, ficando totalmente preso ali.

Quando ocorrem problemas na osseointegração, existe o risco de insucesso do tratamento. Por isso, é importante entender melhor como essa regeneração funciona e o que pode ser feito para garantir que tudo corra bem.

Neste artigo, explicamos tudo que você precisa saber. Vamos lá?

O que é osseointegração e como ela funciona?

A osseointegração nada mais é que o processo de cicatrização do osso ao redor de um implante. Quando ele é fixado na boca do paciente, não fica totalmente preso, apesar de estar firme. O que vai garantir que não se solte da base é esse processo de regeneração óssea.

Na colocação do implante, é preciso fazer uma abertura no osso alveolar para encaixar o pino. Como o material é biocompatível, o corpo não o rejeita. O que ele faz, na verdade, é agregar esse pino ao osso. São necessários cerca de três a seis meses para que a osseointegração se complete.

Então, na prática, as células se reproduzem e começam a preencher os mínimos espaços que estão entre o osso do paciente e o implante. Também preenche as roscas do pino. Assim, após esse processo se completar, ele estará osseointegrado, passando a fazer parte do organismo da pessoa.

Quais são suas indicações e seus benefícios?

A osseointegração não é um procedimento odontológico, mas sim, um processo natural que ocorre no organismo do paciente. Pode ser ao colocar um implante dentário ou qualquer outro dispositivo de tratamento médico nos ossos. Essa cicatrização vai acontecer espontaneamente quando o material for biocompatível.

Também não é adequado falar sobre benefícios da osseointegração como tratamento, uma vez que ela é, na verdade, fundamental para o sucesso do implante. Quando o osso não se regenera como deveria, o pino pode se soltar, levando ao insucesso do procedimento.

De toda forma, quando essa regeneração óssea acontece sem nenhum problema, conseguimos confeccionar uma raiz artificial perfeita para receber a prótese dentária. Cuidando bem da saúde bucal, a osseointegração possibilita o implante durar por toda a vida.

Quais fatores facilitam e atrapalham a osseointegração?

O material utilizado pelo dentista, o tipo de implante, bem como a técnica aplicada fazem toda a diferença para favorecer a osseointegração. Isso porque permitem alcançar uma boa estabilidade primária, que vai impedir que o implante se movimente no osso, mesmo que de maneira imperceptível.

Em relação ao organismo do paciente, o que pode atrapalhar a osseointegração são problemas sistêmicos, como o diabetes. A alta da glicemia no sangue prejudica todos os processos de cicatrização, incluindo a regeneração do osso.

Isso também pode acontecer em pessoas com problemas como a osteoporose. Daí a importância de uma boa avaliação prévia. Ainda, a ocorrência de inflamações e infecções prejudica a cicatrização de todos os tecidos, e também atrapalha a osseointegração.

Quais cuidados necessários para o sucesso dos resultados?

Muito depende do paciente para que a osseointegração seja um sucesso. É fundamental seguir as recomendações do implantodontista para favorecer essa cicatrização e evitar inflamações e infecções. Assim, alguns cuidados fundamentais são:

  • manter uma excelente higiene bucal;
  • evitar mastigar do lado que foi fixado o implante;
  • preferir alimentos mais fáceis de mastigar;
  • não tocar no local operado;
  • evitar o tabagismo;
  • manter a saúde orgânica em equilíbrio;
  • maneirar nos esforços do lado que foi operado.

Não se esqueça de que o tratamento de implante precisa ser feito por um especialista experiente, pois a atuação dele é fundamental para que a osseointegração aconteça sem complicações. Esse é um dos cuidados da Odontoclinic, associado ao uso de materiais de alta qualidade e novas tecnologias.

Com o suporte de um bom implantodontista, acesso a técnicas mais modernas e adotando todas as recomendações do especialista, a osseointegração será a melhor possível. Isso vai garantir o sucesso do seu tratamento.

Ainda tem dúvidas sobre o assunto ou deseja mais informações? Então, entre em contato com a gente e converse com os nossos especialistas!

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comentários

Agende sua avaliação

Materiais Grátis

Posts relacionados

Inscreva-se para receber novidades

O que você procura?
Últimas publicações
Feridas no céu da boca? Leia o post para saber o que pode ser, quais são as principais causas e o que fazer!
Dente infeccionado ou inflamado? O que fazer se o dente estiver inflamado? Leia o post e tire suas dúvidas!
Piercing no smile é aquele que aparece quando a pessoa sorri, mas será que ele faz mal para os dentes? Tire suas dúvidas!