Entenda quando é necessário usar o aparelho extrabucal

O aparelho extrabucal nem sempre deixa crianças e adolescentes muito felizes — na verdade, eles sempre esperam não precisar fazer esse tratamento, não é? A realidade é que, mesmo com tantos avanços, essa opção ainda é muito eficiente para alguns casos específicos. O lado bom é que são mais ágeis e eficientes na correção, por exemplo, do processo de crescimento da mandíbula.

Mas, na prática, quando é necessário usar o aparelho extrabucal? O que acha de tirar todas as suas dúvidas sobre esse modelo? Continue com a gente pra descobrir!

O que é o aparelho extrabucal?

O aparelho extrabucal é um dispositivo utilizado para o tratamento ortodôntico que tem como principal característica uma estrutura externa. Ou seja, parte do aparelho fica fora da boca, completamente visível.

Apesar dos avanços na tecnologia odontológica, que conta com variados tipos de aparelhos, o modelo extrabucal ainda é uma alternativa que funciona em determinadas situações. Eficiente e ágil, a solução é muito utilizada no tratamento de crianças, já que a arcada dentária ainda está em formação. Já para adultos, nem sempre é uma opção interessante.

O principal benefício de utilizar o aparelho extrabucal é a redução das chances de necessidade de cirurgias mais invasivas no futuro, como a ortognática.

Na prática, a força gerada pelo item externo garante que a movimentação dos dentes seja a adequada e a criança ou o adolescente possa corrigir o seu problema sem precisar passar por alguma cirurgia.

Quais são os motivos para utilizar o aparelho extrabucal?

Uma das razões mais comuns para o uso do aparelho extrabucal é o crescimento exagerado da maxila — como acontece em pessoas cujo queixo vem muito pra frente. Esse tratamento evita que a formação seja realizada na posição errada e é uma necessidade identificada por diferentes tipos de radiografia.

Outro motivo bem comum para justificar o uso do aparelho extrabucal é a falta de crescimento da mandíbula. Claro que podem existir outros tratamentos para isso, mas, em casos específicos, o extrabucal ainda é uma das alternativas mais eficientes.

Qual é a importância de obedecer à recomendação do seu ortodontista?

Por mais que seja desconfortável, o aparelho extrabucal é utilizado por uma razão específica, como as que apontamos. Sendo assim, é fundamental que o tratamento todo seja feito de acordo com todas as recomendações do ortodontista.

Afinal, de que adianta se comprometer a usar um determinado número de horas e nunca cumprir? O que vai acontecer é uma maior demora para a realização do tratamento.

Como é uma alternativa muito utilizada em crianças, é fundamental que os pais fiquem de olho e façam um acompanhamento próximo para assegurar que o processo está sendo respeitado. Também vale trabalhar a conscientização, mostrando que é algo temporário. Combinar determinados horários de uso do aparelho pode ajudar bastante no sucesso do tratamento, viu?

O uso do aparelho extrabucal é mais uma situação que reforça a importância de contar profissionais de qualidade ao fazer qualquer tipo de tratamento. Essa é a forma mais eficiente de aproveitar todos os benefícios da ortodontia.

Agora que você já sabe tudo sobre o aparelho extrabucal, o que acha de seguir se informando sobre outros assuntos relevantes para a sua saúde bucal? Assine a nossa newsletter e receba conteúdos como este diretamente na sua caixa de entrada!

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agende sua avaliação

Materiais Grátis

Posts relacionados

Inscreva-se para receber novidades

O que você procura?
Últimas publicações
O atestado odontológico é válido para abonar faltas? Quantos dias? E horas? Esclareça suas dúvidas nesse post!
Feridas no céu da boca? Leia o post para saber o que pode ser, quais são as principais causas e o que fazer!
Dente infeccionado ou inflamado? O que fazer se o dente estiver inflamado? Leia o post e tire suas dúvidas!